Avançar para o conteúdo
Capela de Santo António

Capela de Santo António

Retábulo colateral de Santo António

Data
Talha do arco: 1724
Retábulo:  Segunda metade do século XVIII

Período/Estilo
Talha do arco: Estilo Nacional ou Barroco Pleno
Retábulo: Rococó

Artistas envolvidos
Arco:  Luís Pereira da Costa
Retábulo: desconhecido

O arco de talha desta capela foi executado por Luís Pereira da Costa, um dos maiores entalhadores do Porto, que participou também na talha do altar-mor da Sé do Porto. Apresenta uma gramática decorativa característica do Barroco Pleno e completava o conjunto decorativo que incluía o altar dedicado a Santo António, substituído mais tarde pelo actual, de estilo rococó.
O retábulo, encomendado pela confraria de Santo António, é característico do Rococó, apresentando um risco dinâmico, com um jogo de planos côncavos e convexos, exibindo uma cascata de folhas, conchas e volutas, que se projectam até ao chão nas laterais do conjunto; uma inovação trazida por este estilo aos retábulos portugueses e conferindo um movimento e graça próprios do excelente trabalho que o entalhe rococó atingiu no Porto.
No centro, destaca-se a imagem de Santo António, num nicho central elevado, por cima do sacrário. Nos tramos laterais surgem São Francisco Xavier (à esquerda) e São Caetano (à direita). Toda a parte superior é vazada, permitindo a entrada de luz pelas primitivas frestas góticas da capela.

A utilização de cookies neste website tem como principal objetivo melhorar a sua experiência. Ao clicar em qualquer link nesta página está a dar-nos a permissão para usar cookies. Política de cookies